Translate this Page
Pesquisa
Qual a sua afiliação religiosa?
Católico
Evangélico
Adventista
Fundamentalista
Outro
Ver Resultados

Rating: 3.1/5 (660 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...



Total de visitas: 334994
A profecia que as seitas ignoram!
A profecia que as seitas ignoram!

UMA PROFECIA IGNORADA

[pelas seitas que negam o Cessacionismo, o Arrebatamento e pregam a Teologia da Substituição]

 

 

“O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.” – II Tess. 2.4

 

 

As seitas, em sua ânsia na aquisição de “novas” profecias, novas revelações e afirmações de seus pseudo-profetas, acabam em conseqüência desprezando a Palavra Eterna de DEUS.

 

Um dos exemplos diz respeito à reconstrução do templo judaico em Jerusalém, por ocasião dos 7 anos em que o Anticristo dominará o mundo.

 

O primeiro templo foi construído por Salomão (960-586 a.C., ver I Reis cap 6 a 8) e foi destruído por ocasião da invasão do império Babilônico.

 

O segundo templo construído por ocasião do retorno do exílio (536 a.C) descrito nos livros e Esdras (sacerdote) e Neemais (governador). Este templo sofreu reforma no tempo de Herodes, o Grande (37 a.C. – 4 d.C.) e foi destruído no ano 70 d.C.

 

O Senhor Jesus Cristo predisse essa destruição, 40 anos antes em Mateus 24, profetizada também por Daniel.

 

“...e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra; estão determinadas as assolações.” – Daniel 9.26b

 

“Jesus, porém, lhes disse: Não vedes tudo isto? Em verdade vos digo que não ficará aqui pedra sobre pedra que não seja derrubada.” – Mateus 24.2

 

O historiador Josefo relata que os romanos reviraram as pedras em busca de outro e que o lugar ficou tão completamente destruído que parecia que nada havia existido naquele lugar antes, não ficando, portanto “pedra sob pedra”.

 

O Senhor Jesus Cristo afirma que o anticristo tomará para si a posição que pertence ao Filho do Homem, e o chama de a “abominação da desolação”, fazendo referência ao Profeta Daniel:

 

“Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo; quem lê, atenda;” - Mat. 24.15.

 

“E desde o tempo em que o sacrifício contínuo for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá mil duzentos e noventa dias.” – Dan. 12.11 (ver também 11.31)

 

Portanto, o terceiro templo será reconstruído em 3 anos e meio (1260 dias), metade dos sete anos em que o Anticristo dominará sobre a terra. Quando a metade da semana terminar, ele adentrará o templo e exigirá para si adoração como DEUS.

 

É esta a “abominação da desolação” que se estabelecerá em Jerusalém durante a última semana da qual fala o profeta Daniel.

 

“E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador.” Dan 9.27

 

Os judeus, antes da quebra do pacto, o aceitarão como o Messias e todo o mundo gentílico que negará a Jesus (apostasia) e o terão como substituto, outro Cristo.

 

“E adoraram-na todos os que habitam sobre a terra, esses cujos nomes não estão escritos no livro da vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo.” – Apo.l 13.8

 

Mas quando o Anticristo reivindicar essa adoração de si mesmo, se assentando no templo de DEUS, os judeus o rejeitarão e pregarão o Evangelho do Reino (nós gentios pregamos o Evangelho da Graça).

 

“E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.” – Mateus 24.14

 

Inicia-se a angústia para Jacó (os salvos terão sido arrebatados antes do início dos sete anos do domínio do Anticristo e não passarão pela tribulação).

 

“Ah! porque aquele dia é tão grande, que não houve outro semelhante; e é tempo de angústia para Jacó; ele, porém, será salvo dela.” – Jeremias 30.7

 

“Porque não quero, irmãos, que ignoreis este segredo (para que não presumais de vós mesmos): que o endurecimento veio em parte sobre Israel, até que a plenitude dos gentios haja entrado.  E assim todo o Israel será salvo, como está escrito: De Sião virá o Libertador, E desviará de Jacó as impiedades.” – Rom 11.25-26

 

As seitas desprezam a profecia da construção do terceiro templo, o que os leva outros erros, tais como acreditam e pregam que:

 

- Suas denominações substituíram Israel.

 

- Que eles mesmos serão perseguidos e não os judeus.

 

- Que suas denominações passarão pela grande tribulação, pois negam o arrebatamento.

 

- Que a abominação da desolação é outra verdade negada sendo que, a Bíblia fala que a negação última (apostasia) é a negação de que Jesus é o Messias, o Cristo de DEUS vindo em carne, para que o mundo aceite o anticristo. As seitas impõem outro foco para a perseguição: negação do papado, negação de Maria como mediadora, negação do sábado hebdomadário, negação de que o homem é divino, negação do anjo Moroni, negação de suas novas revelações, negação de seus profetas...entre outros falsos ensinos que disseminam.

 

As seitas, portanto, desprezam a profecia que nos afirma que o templo será reconstruído (em breve) em Jerusalém.

 

Aguardemos, portanto, com esperanças revigoradas o chamado de Nosso Senhor Jesus Cristo, servindo-O em amor e submissão, obedecendo à Sua Palavra e pregando o Evangelho da Graça a toda criatura, para que o nome d’Ele seja exaltado, glorificado e honrado.

 

DEUS nos abençoe a mais amá-lO e a melhor servi-lO.

 

 

Pr Miguel Ângelo L Maciel

topo