Translate this Page
Pesquisa
Qual a sua afiliação religiosa?
Católico
Evangélico
Adventista
Fundamentalista
Outro
Ver Resultados

Rating: 3.1/5 (660 votos)




ONLINE
2




Partilhe este Site...



Total de visitas: 335790
Autoridade da Palavra de DEUS
Autoridade da Palavra de DEUS

DISTINTIVOS BATISTAS FUNDAMENTALISTAS

 

 

 

 

 

BIBLIOLOGIA – 1.º DISTINTIVO: A Autoridade e a Infalibilidade da Palavra de DEUS

 

 

Conceito Teológico

 

A Bíblia é a palavra de DEUS revelada em linguagem humana, escrita por homens santos de DEUS e inspirada pelo Espírito Santo. Toda ela é a Verdade palavra por palavra, sem mesclas de erros (inerrante), infalível, preservada nos Texto Massorético (VT) e Texto Recebido (NT), constituindo-se autoridade única em matéria de fé e prática, padrão de aferição da doutrina e conduta humanas, cujo propósito e notificar ao homem pecador, a misericórdia de DEUS para a sua salvação eterna.

 

 

Textos-Chaves

 

 

. Deuteronômio 29.29; Salmos 119.89; Números 23.19; Provérbios 30.5-6; Mateus 5.18; João 10.35, 17.17; Romanos 1.16, 10.17; II Timóteo 3.15-17; Tito 1.2; Hebreus 4.12, 6.18; II Pedro 1.20-21; Apocalipse 22.18-19.

 

 

História

 

 

. O grito da Reforma foi ‘Sola Scriptura” (somente a Bíblia), porém antes disto os Anabatistas medievais já defendiam a singularidade da Bíblia e uma interpretação emanada de sua própria linguagem simples e acessível.

 

. Além disso acreditavam que o cristão não somente deveria ler a Bíblia em seu próprio idioma, como também interpreta-la gramático0historicamente, o que, naquele tempo, era completamente proibido pela Igreja Católica Romana.

 

 

Divergência Denominacional / Herética

 

. Dos evangélicos liberais que a rejeitam.

 

. Dos pentecostais e os neo-pentecostais que a consideram insuficiente e necessitada de revelações adicionais.

 

 

. Do Adventismo que equipara a Bíblia a outros livros, principalmente aos de Ellen White.

 

 

. Dos Russelitas (Testemunhas de Jeová – TJ), têm uma tradução adulterada supostamente feita das línguas originais. Russel, porém, nada sabia do grego e passou vexame em tribunal.

 

 

. Dos Mórmons e os Espíritas  tratam seus fundadores – Joseph Smith e Allan Kardec, como autoridades equivalentes [ou mesmo superiores] à Bíblia.

 

 

. Do Catolicismo Romano que aceita outras fontes de autoridade como Tradição e o Magistério (Papa, Cardeais, Bispos, Padres). Além disso consideram as Encíclicas e Bulas papais e todos os seus pronunciamentos como ex-catedra, adições legítimas à revelação e que vão além da Bíblia.

 

. Do movimento apóstata da Crítica Textual que invadiu tanto seminários quanto  igrejas locais [até mesmo em algumas que se denominam fundamentalistas, bíblicas ou regulares], utilizando textos adulterados do grego publicado em 1881 por Westcott-Hort [místicos, pagãos, evolucionistas, mariólatras e espíritas], utilizando versões modernas e pervertidas do texto original, tais como: Almeida Atualizada, Nova Versão Internacional (NVI), Bíblia na Linguagem de Hoje, NTLH, Bíblia Ecumênica e semelhantes corrupções a pretexto de erudição.

 

topo