Translate this Page
Pesquisa
Qual a sua afiliação religiosa?
Católico
Evangélico
Adventista
Fundamentalista
Outro
Ver Resultados

Rating: 3.1/5 (660 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...



Total de visitas: 335066
Fraude das Irmãs Fox e Falsa Visão da Sra White!
Fraude das Irmãs Fox e Falsa Visão da Sra White!

A Fraude das Irmãs Fox...

 

...e a falsa visão da Sra. White.

 

 

 

– A Falsa Profetisa dos Adventistas É Mais Uma Vez Desmascarada! –

 

 

 

 

 

Autor: Robert K. Sanders

 

 

 

Quando o profeta falar em nome do SENHOR, e essa palavra não se cumprir, nem suceder assim; esta é palavra que o SENHOR não falou; com soberba a falou aquele profeta; não tenhas temor dele. – Deuteronômio 18:22 (ACF)

 

 

 

Ellen G. White deixou claro que as batidas que ocorreram no caso das irmãs Fox, em Nova York no ano de 1848, foram resultantes do poder de Satanás e não era o resultado de artifícios ou astúcias humanas. Se puder ser provado que as irmãs Fox, de fato falsificaram suas batidas, então devemos concluir que Deus não estava se comunicando com Ellen White e que Ellen estava recebendo sua visão de outro espírito, e que ela era uma falsa profetisa. Deus não mente!

 

 

Itens apresentados:

 

  1. Do Comitê Para a Investigação Científica das Alegações de Paranormalidade.

 

  1. O que é tão interessante sobre isso? É aquilo que Ellen White disse a respeito disso!

 

  1. Espiritismo Exposto: Margaret Fox Kane Confessa Fraude. Do The New York World, 21 de Outubro de 1888. (Você Precisa Ler!!!)

 

  1. Isto não é maravilhoso? Conferência em Minneapolis sobre “Justificação Pela Fé”.

 

  1. Resumindo...

 

  1. Questão Final.

 

 

 

 1. Do Comitê Para a Investigação Científica das Alegações de Paranormalidade.

 

 

 

“A crença na comunicação com os mortos é antiga, mas o Espiritismo moderno começou em 1848 quando duas meninas, Margaret e Katherine Fox, aparentemente receberam mensagens do fantasma de um mascate assassinado. Ele respondia às suas perguntas batendo certo número de vezes para sinalizar sim, não, ou outras respostas simples. Dessa forma, assistidas por uma irmã mais velha, as meninas viajaram por todo os Estados Unidos a fim de promoverem sua sociedade “espírita”. Quatro décadas depois, no entanto,   as irmãs revelaram a um público de teatro   como haviam enganado o mundo. Margaret Fox demonstrou como ela escorregou o pé de seu sapato e estalou os dedos para fazer os sons de batida.   Nesse meio tempo, bem como muito depois, espíritas estiveram produzindo fenômenos falsos – de falsos espíritos escrevendo em lousas a entidades fantasmagóricas que se provou serem enganos produzidos pelos próprios médiuns ou por seus assistentes disfarçados. A encarnação mais recente do espiritismo chega na forma da médium psíquico James Van Praagh, cujo livro Talking to Heaven (Falando Com o Céu) encontra-se atualmente no topo das listas de best-sellers”.

 

 2. O que é tão interessante sobre isso? É aquilo que Ellen White disse a respeito disso!

 

“Páginas 43, 44 e 86: Misteriosas Batidas em Nova York e Rochester. – A REFERÊNCIA aqui é feita AOS INCIDENTES RELATIVOS AO INÍCIO DO MODERNO ESPIRITUALISMO. Em 1848 batidas misteriosas foram ouvidas na casa de família Fox em Hydesville, uma comunidade que dista cerca de trinta e cinco milhas a leste da cidade de Rochester, Nova York. Num tempo em que haviam variadas conjecturas variadas quanto à causa das batidas, Ellen White anunciou,   NA AUTORIDADE   DE UMA VISÃO dada a ela, que eram uma manifestação real do espiritismo,   que este fenômeno iria desenvolver-se rapidamente, e em nome da religião ganharia popularidade e enganaria multidões, seria o desenvolvimento da obra prima do engano de Satanás nos últimos dias”.   Primeiros Escritos, de Ellen G. White, página 300, parágrafo 2.

 

“Vi   que as batidas misteriosas em Nova York e em outros lugares   era o poder de Satanás,   e que essas coisas seriam cada vez mais comuns, vestidas com um traje religioso, de modo a acalmar o enganado, levando-o a uma maior segurança e virando as mentes do povo de Deus, se possível, para essas coisas, levando-os a duvidar do ensino e do poder do Espírito Santo”. Esta visão lhe foi dada em 1849, quase cinco anos depois. Até então, as manifestações espíritas estavam confinadas principalmente à cidade de Rochester,  sendo conhecidas como as “batidas de Rochester”.   Primeiros Escritos,   p. 86, (4)   Manifestações de Espíritos.

 

 

Falando sobre as irmãs Fox, Ellen White afirmou:


“Muitos se esforçam por explicar as manifestações espíritas, atribuindo-as inteiramente a fraudes e prestidigitação por parte do médium. Mas, conquanto seja verdade que os resultados da trapaça tenham muitas vezes sido apresentados como manifestações genuínas, tem havido também assinaladas exibições de poder sobrenatural. As pancadas misteriosas com que o espiritismo moderno se iniciou, não foram resultado de trapaça ou artifício humano, mas obra direta dos anjos maus, que assim introduziam um engano dos mais eficazes para a destruição das almas. Muitos serão enredados pela crença de que o espiritismo seja meramente impostura humana; quando postos em face de manifestações que não podem senão considerar como sobrenaturais, serão enganados e levados a aceitá-las como o grande poder de Deus.”. O Grande Conflito   - Cap. 34   “Os mortos Podem Falar Conosco?”  p. 553.

 

(Nota do Tradutor.: No Brasil o título do capítulo 34 de O Grande Conflito é “Oferece O Espiritismo Alguma Esperança?”. Porém, os assim chamados “Depositários do Patrimônio Literário” de Ellen White, estão sempre em constante posição de tentar amenizar (manipulação direta) os erros grosseiros e as vergonhosas profecias fraudulentas da Sra. White. No caso do livro O Grande Conflito, os Editores publicaram um “resumo” do livro, onde o parágrafo das afirmações da Sra. White sofreu modificação, sendo publicado da seguinte forma:

Conquanto seja verdade que os resultados da trapaça tenham muitas vezes sido apresentados como manifestações genuínas, tem havido também assinaladas exibições de poder sobrenatural, obra direta dos anjos maus. Muitos creem que o espiritismo seja meramente impostura humana. Quando postos em face de manifestações que não podem senão considerar como sobrenaturais, serão enganados e levados a aceitá-las como o grande poder de Deus” - O Grande Conflito – Edição Condensada, em inglês “FromHere To Forever”, página 327.

Pode-se notar que a manipulação pretende “amenizar” – se é que isso pode ser feito em relação às fraudes, plágios, grosseiros erros e sandices da Sra. White – as falsas declarações “proféticas” de sua profetisa idolatrada. Oh, alma perdida entre os adventistas, até quando permanecerás crendo em um falso evangelho, baseado em falsas e mentirosas profecias manipuladas em prol do engano? Arrepende-te, pois, e volta-te para Cristo! - ver Atos 3:19, Efésios 2:8-9.)  

 

 

 

3. Espiritismo Exposto: Margaret Fox Kane Confessa Fraude.

- Do Jornal The New York World, 21 de Outubro de 1888 –

(Você Precisa Ler Isso!!!)

 

 

Em muitas ocasiões, o jornal THE WORLD tem sido capaz de expor as práticas fraudulentas dos chamados médiuns espíritas, trazendo-os a luz brilhante de uma investigação cuidadosa sobre os métodos secretos destes vampiros sociais. Várias vezes repórteres do THE WORLD tem dilacerado as vestes brancas dos médiuns com a qual eles tatearam sobre seus salões escuros, enganando seus crédulos na crença de que os espíritos devolvidos de seus amigos e parentes estavam perante eles. Além disso, muitas pessoas foram salvas das garras desses impostores sem alma, no momento em que os médiuns estavam prestes a segurá-los sob seu alcance avarento.

Mas o golpe mais severo que o Espiritismo já recebeu é dado hoje, através das declarações solenes da maior médium do mundo de que tudonão passa de uma fraude, um engodo, uma mentira. Esta declaração é feita pela senhora Margaret Fox Kane, que foi capaz, através de longo treinamento e de prodigioso desenvolvimento muscular, de produzir batidas peculiares e pancadas que foram cridas como sendo manifestações espirituais, e que foram tão habilmente feitas que confundira todas as tentativas de descobertas.   Foi esta mulher, então Margaret Fox, e a mais experiente das “irmãs Fox”, mundialmente famosa, que foi primeiramente trazida perante o público como sendo médium. Sua turnê pelas grandes cidades dos Estados Unidos é histórica. Ela foi analisada pela maioria dos proeminentes teólogos, médicos e  profissionais, mas não havia quem pudesse resolver o misterioso poder que parecia possuí-la, nem imitar as suas alegadas batidas espirituais.

 

A Exposição Está Completa

 

A emoção incomparável causada por essas meninas sugeriu à mente de muitas pessoas sem escrúpulos o vasto campo financeiro que estava perantequalquer um que pudesse fingir poderes mediúnicos semelhantes. Ao mesmo tempo, havia centenas de médiuns em todas as partes do país, e o número desses impostores tem aumentado ano após ano.   Agora as irmãs Fox têm vindo à frente e, como uma questão de dever a muito tempo negligenciado ao público e para a sua própria paz de espírito, afirmam corajosamente que a vida delas tem sido uma vida de engano e fraude.   Como a primeira e maior de todas as médiuns, o peso de sua evidência não pode deixar de soar solenemente os sinos do funeral do negócio abominável que, numa idade em que elas não sabiam o que estavam fazendo, se iniciou e já veio a florescer em todo o mundo numa gigantesca fraude.

A declaração que THE WORLD concede foi preparada pela Sra. Margaret Fox Kane, a viúva do famoso explorador do Àrtico, Dr. Kane. Isso ela irá repetir hoje à noite no teatro Academy of Music, e ela irá demonstrar a todos, como ela fez a um repórter do THE WORLD, exatamente como ela executa os truques com que elas iludiram 8.000.000 pessoas, somente neste país. Ao mesmo tempo, o Dr. C. M. Richmond e o Sr. Frank W. Stecham irão expor os muitos outros truques e ilusões comumente praticados por médiuns em suas sessões. A admissão ao teatro Academy, nesta noite, tem sido permitida a tal figura com o objetivo de meramente pagar as despesas da exposição, que é feita puramente no interesse do público.

 

Declarações da Médium, Srta. Margaret Fox Kane. Ela Conta a Notável História de Sua Vida.

 

Eu penso que é tempo em que a verdade deste assunto miserável, o ‘Espiritismo’, deve ser trazido à tona.   Ele agora está espalhado por todo o mundo, e a menos que seja logo demolido, em breve ele fará um grande mal. Eu fui a primeira no campo e tenho o direito de expô-lo.

Minha irmã Kate e eu eram crianças muito jovens quando este engano horrível começou. Eu tinha oito anos, e era apenas um ano e meio mais velha do que ela. Éramos crianças muito travessas e queríamos aterrorizar a nossa querida mãe, que era uma mulher muito boa e se assustava muito facilmente. À noite, quando fomos para a cama, nós usamos uma maçã, amarrada a uma corda, se movendo para cima e para baixo, fazendo com que a maçã batesse no chão, ou nós a deixávamos cair no chão, fazendo um barulho estranho a cada vez que ela ricocheteava. Minha mãe ouviu isso por um tempo. Ela não conseguia entender isso e não suspeitava que fôssemos capazes de realizar um truque como este, porque éramos tão jovens”.

 

Travessura Infantil De Primeira

 

“Por fim, ela não aguentou mais, chamou os vizinhos e contou-lhes sobre o ocorrido. Foi isso que nos despertou para a necessidade de descobrirmos os meios de fazermos as batidas. Eu penso que, quando reflito sobre isso, foi uma mais maravilhosa descoberta - uma coisa muito maravilhosa que as crianças tão jovens possam fazer tal descoberta, e tudo durante uma travessura. As crianças vão sempre encontrar meios para realizar travessuras. E quanto ao pensamento de espíritos, isto nunca passou por nossas mentes. Éramos muito jovens para sabermos algo sobre isso.

Nossa irmã mais velha, a Sra. Underhill, tinha vinte e três anos de idade quando eu nasci. Ela estava em Rochester quando esses truques começaram, mas logo depois ela veio para Hydesville, uma pequena aldeia no centro de Nova York onde nascemos e vivemos. Meu pai e minha mãe eram muito boas pessoas, honestas e grandes amigos da família Hyde, por quem a vila foi nomeada e que moravam perto de nós. Eles tinham um grande interesse por nós e nós éramos os favoritos especiais dos Hydes, tanto antes como após a notoriedade de nossas batidas terem se generalizado. Todas as pessoas ao redor, como já disse, foram chamadas para testemunhar estas manifestações. Minha irmã, agora Sra. DanielUnderhill - ela era a Sra. Fish então - começou a formar uma sociedade espírita. Havia tantas pessoas que vinham para a casa que não fomos capazes de fazer uso do truque com a maçã, exceto quando estávamos na cama e o quarto estava escuro. Mesmo assim, não podíamos fazê-lo, de modo que a única maneira era bater na armação de cama.

E esta é a maneira como tudo começou. Primeiro como um mero truque para assustar mamãe, e então, quando tantas pessoas vieram nos ver, éramos crianças, estávamos assustadas e mantivemos a travessura. Fomos então levadas pela Sra. Underhill para Rochester.   Foi então quando descobrimos como fazer as outras batidas. Minha irmã Kate foi a primeira a descobrir que, ao estalar os dedos, ela poderia produzir certo ruído com as juntas e articulações, e que o mesmo efeito poderia ser feito com os dedos dos pés. Descobrimos que podíamos fazer as batidas com nossos pés - primeiro com um pé, depois com ambos   - nós praticamos até que pudéssemos fazer isso facilmente quando o quarto estava escuro. Ninguém suspeitou de nós, ou de algum truque, porque éramos crianças tão pequenas. Fomos influenciadas por minha irmã de forma proposital, e por minha mãe sem que ela desejasse. Muitas vezes a ouvi dizer: ‘Isto é um espírito desencarnado que tomou posse de minhas queridas filhas?’”

 

Convencidos De Que Um Assassinato Tinha Sido Cometido

 

“Aquilo incentivou a nossa diversão, e fomos adiante. Todos os vizinhos pensavam que algo estava acontecendo, e eles queriam saber o que era. Eles estavam convencidos de que alguém tinha sido assassinado em nossa casa.   Eles nos perguntaram sobre isso, e nós bateríamos uma vez se a resposta do espírito fosse ‘Sim’, três vezes para “Não”, como o fizemos depois. Nós não sabíamos nada sobre Espiritismo, até então.   O assassinato, eles concluíram, deve ter sido cometido dentro de casa. Eles passaram a anunciar isto ao redor do país inteiro, tentando obter os nomes das pessoas que tinham anteriormente vivido naquela casa. Eles descobriram, finalmente, um homem com o nome de Bell, e eles disseram que este homem pobre e inocente tinha cometido um assassinato naquela casa, e que estes ruídos viam do espírito da pessoa assassinada. Pobre Sr. Bell! Ele foi evitado e encarado por toda a comunidade como sendo um assassino. Que espíritos estavam envolvidos nisso, nem eu nem a minha pensávamos assim.”

 

 4. Isto não é maravilhoso? Conferência em Minneapolis (1888) sobre “Justificação Pela Fé”.

 

 

Bem no meio da Conferência de Minneapolis sobre “Justificação pela Fé”, realizada em 04 de Outubro a 17 de Novembro de 1888, Deus expôs Ellen White como uma falsa profetisa através da confissão de Margaret FoxEspiritismo Exposto: Margaret Fox Kane Confessa Fraude, Do Jornal The New York World, 21 de Outubro de 1888.   Se Ellen White era uma profetisa do Senhor, ela teria tido conhecimento de que isto tudo não passava de uma mentira e não se tratava do poder do diabo. Certamente, os líderes da igreja sabiam sobre a confissão da irmã Fox, e tiveram tempo suficiente para dizer às pessoas nesta conferência que as batidas das irmãs Fox eram uma fraude e que sua profetisa não viu o que ela alegava ter visto. Em vez de 1888 ter sido conhecido pelos adventistas como o ano da “Justificação Pela Fé”, o que foi afirmado por Jones e Waggoner, este ano deveria ter sido conhecido como o ano da “Falsa Visão De Ellen G. White Sobre as Irmãs Fox”.

 

 5. Resumindo...

 

 

  1. Por Que DEUS não mostrou à Ellen que as irmãs Fox estavam pregando uma peça nos adultos, e que isso não vinha de Satanás, já que se afirma que ela era uma verdadeira profetisa?Imagine se E. G. W. houvesse declarado ter-lhe sido revelado em visão que as meninas estavam fingindo, antes que as meninas tivessem admitido que elas estavam fingindo... Que tipo de impacto isso teria sobre A Igreja Adventista do Sétimo Dia.

 

  1. O livro “Primeiros Escritos” foi publicado em 1882, seis anos antes da confissão das irmãs Fox.Era, então, tarde demais para Ellen se retratar de sua visão de que as batidas eram autênticas e tinham sido obra de Satanás.As palavras dela já estavam impressas no mundo inteiro, para que todos pudessem ver que ela falhou no teste de um profeta. Ellen foi para seu túmulo em 1915 sem confessar seu erro.

 

  1. As irmãs Fox não criaram o Espiritismo moderno;elas só falsificaram algo que já existia.Ellen tomou uma brincadeira infantil e transformou-a em obra de Satanás.

 

 

(N.T.: Ellen G. White jamais confessou seus pecados, suas mentiras, suas falsas profecias e suas fraudes. Desceu ao túmulo sem confessar verdadeiro arrependimento, verdadeira conversão, ou o verdadeiro Evangelho Bíblico da Salvação pela Graça, tão somente pelos méritos de Cristo, sem as obras da Lei. Todas as evidências demonstram que Ellen G. White partiu para a eternidade sem Cristo, sem certeza de perdão e salvação, apegada à sua falsificada esperança de que suas obras lhe abonariam no inexistente, fantasioso e antibíblico Juízo Investigativo; demonstram que a falsa profetisa dos adventistas morreu em condenação, destinada ao fogo literal do inferno, que ela passou a vinda inteira negando ser real e Bíblico! E você? O que fará com o Verdadeiro Evangelho Bíblico da Salvação Pela Graça, por meio de Cristo?)

 

 6. Questão Final!

 

 

Por que qualquer verdadeiro cristão desejaria seguir após uma falsa profetisa, como Ellen G. White? 

 

 

Jesus e os Apóstolos nos alertaram para não segui-los:

 

 

 

Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus. Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons. Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo. Portanto, pelos seus frutos os conhecereis. – Mateus 7:15-20 (ACF)

 

 

 

Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos. Eis que eu vo-lo tenho predito. Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto, não saiais. Eis que ele está no interior da casa; não acrediteis. – Mateus 24:24-26 (ACF)

 

 

 

Mas tenho contra ti que toleras Jezabel, mulher que se diz profetisa, ensinar e enganar os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria. – Apocalipse 2:20 (ACF)

 

 

(Ênfases Minhas)

 

 

 

 

Copyright © Robert K. Sanders 2000.

 

Tradução e adaptação para o português pelo Pr. Miguel Maciel.

Fevereiro de 2016. Revisão 00.

topo